Cuidados com dentes

O que você precisa saber para cuidar bem dos seus dentes

Você sabia que além de auxiliar na mastigação dos alimentos, os dentes são fundamentais para a fala? Além disso, o sorriso demonstra emoções e empatia, e pode influenciar até mesmo no desenvolvimento da carreira. Afinal, a aparência também contribui para a criação da imagem que as pessoas têm de você.

Por todos esses motivos, cuidar dos dentes é muito importante. Os maus hábitos de higiene podem tanto impactar na saúde bucal quanto contribuir para o desenvolvimento de outras doenças. Por isso, nesse post vamos te explicar como os dentes são formados e o que você pode fazer para cuidar bem deles.

Como os dentes são formados?

Os dentes começam a se formar dentro do maxilar e da mandíbula ainda durante a gestação. Só depois do nascimento, por volta dos seis meses de idade, que os dentes de leite começam a nascer.

Essa primeira fase da dentição dura até os seis anos de idade, época em que inicia a queda dos dentes de leite e nascem os dentes permanentes. Ao fim desse processo, a pessoa deve contar com 32 dentes sendo: 8 incisivos, 4 caninos, 8 pré-molares e 12 molares. Algumas pessoas podem possuir ainda os 4 sisos.

Enquanto a raiz do dente continua presa ao osso, a coroa é a parte que conseguimos ver. Na estrutura dos dentes existem ainda:

  • polpa: rica em vasos sanguíneos e nervos, localizada no centro do dente.
  • dentina: envolve a polpa e tem composição semelhante ao osso.
  • esmalte: composto por fosfato e cálcio.

Entenda qual a importância do cálcio para a formação dos ossos.

Quais alimentos fortalecem e prejudicam os dentes?

Assim como qualquer outra parte do corpo, os dentes também são beneficiados ou prejudicados pela nossa dieta alimentar. Por isso, vale a pena nos atentar à nossa alimentação para termos uma dentição mais saudável e evitar doenças.

Sabe aquelas frutas cítricas, como limão e laranja, que conhecemos por serem ricas em vitamina C? Elas também ajudam a prevenir doenças como o escorbuto, que causa sangramento na gengiva. Outras frutas, verduras e legumes ricas nessa vitamina são: mamão, caju, goiaba, acerola, couve, brócolis e pimentão.

Peixes como sardinha, atum e salmão, além de chia a linhaça, são ricos em ômega-3, que possui ação anti-inflamatória. Já o resveratrol é um antioxidante presente na uva, mirtilo e amendoim. Alimentos ricos em fibra, como aveia, aspargo e couve, também ajudam a aumentar a imunidade. Até a água pode trazer grandes benefícios para os dentes. Além de contribuir para a hidratação do corpo, o líquido evita o mau hálito, cárie e inflamações.

Por outro lado, o açúcar ainda é considerado um grande vilão, e ele não é responsável apenas pela incidência de cáries. Doces, refrigerantes e outros alimentos industrializados como sucos e biscoitos são ricos em açúcar. Além de contribuir para o sobrepeso, a diabetes e outras doenças, essa substância viciante pode causar gengivite e periodontite, se consumida em excesso.

É muito importante se atentar ao rótulo dos alimentos e evitar produtos ricos em como sacarose, glicose ou frutose. Além do açúcar, esses alimentos ultraprocessados também podem conter carboidratos refinados e gorduras saturadas e trans que não fazem bem à saúde.

12 dicas para cuidar bem dos seus dentes

Cuidar bem dos seus dentes pode evitar diversos problemas de saúde, como: dores, mau hálito, doenças da gengiva, cárie e dentes fracos, quadro que pode ser intensificado pela Osteoporose.

Para criar bons hábitos, o ideal é que o estímulo aconteça desde a infância. Nessa fase, é mais fácil criar costumes de higiene e boa alimentação. A ida regular ao dentista é extremamente importante e quando a criança se sente à vontade em ir ao consultório, dificilmente ela terá medo de realizar tratamentos odontológicos e prevenções.

Para além disso, independente da idade, existe uma série de práticas que você pode adotar no seu dia a dia para manter os dentes sempre saudáveis.

  1. Escove os dentes ao menos três vezes ao dia, usando escovas de cerdas macias e fazendo movimentos suaves e circulares.
  2. Evite usar a força durante a escovação, pois pode causar sensibilidade.
  3. Troque a escova de dente a cada três meses ou quando estiver desgastada, e armazene-a em ambiente seco.
  4. Opte pelo uso pasta de dente com flúor, exceto para crianças pequenas.
  5. Use fio dental diariamente para remover placas bacterianas.
  6. Evite usar palitos para limpar as frestas entre os dentes.
  7. Escovar a língua também ajuda a prevenir doenças bucais. Você também pode utilizar raspadores.
  8. Se tiver prescrição do dentista, você pode utilizar enxaguante bucal.
  9. Reduza os níveis açúcar e produtos ultraprocessados na sua alimentação.
  10. Beba água regularmente para estimular a produção de saliva.
  11. Não mastigue objetos ou abra embalagens com os dentes.
  12. Evite fumar ou consumir bebidas alcóolicas em excesso.

Você se preocupa com o seu sorriso? Entenda qual o impacto da Osteoporose na saúde dos dentes.

Inscreva-se na newsletter

Receba dicas da Osso Forte para cuidar da sua saúde

>>

    Inscreva-se na newsletter

    Receba dicas da Osso Forte para cuidar da sua saúde