7 dicas para cuidar do corpo em qualquer idade

Não importa a idade, hábitos saudáveis são necessários para o desenvolvimento do corpo humano.

Com o passar do tempo, a alimentação e os estímulos corporais se modificam a cada fase da vida e mudanças na rotina são necessárias. Alguns cuidados específicos são fundamentais para um envelhecimento saudável, evitando o comprometimento da saúde física e mental do indivíduo. 

Conciliar a rotina de trabalho, estudos e cuidados com a saúde pode ser um pouco complicado a princípio. Para impedir problemas futuros, é necessário ter atenção aos sinais do seu corpo, no entanto é essencial manter-se informado para evitar dores de cabeça. Com mais disposição e vigor, a sua vida se torna mais equilibrada.

Quer saber como se cuidar de maneira simples e efetiva? Neste artigo, vamos te apresentar sete dicas de como manter o corpo saudável, independente da sua idade.

1. Realize acompanhamento nutricional

Responsável por verificar a condição física e o consumo alimentar, o nutricionista faz um acompanhamento a fim de proporcionar maior qualidade de vida de acordo com a necessidade do paciente. É feita uma avaliação que identifica os nutrientes necessários para o seu corpo, e elaborado um plano alimentar. Seguindo as orientações do especialista de forma correta, o acompanhamento previne e erradica doenças como diabetes, hipertensão e obesidade, além de auxiliar no desempenho muscular.

Uma dieta balanceada de alimentos naturais ricos em cálcio, vitamina D e magnésio é importante para o fortalecimento dos ossos e a prevenção da Osteoporose. Em idosos, por exemplo, a produção de vitamina D é mais lenta do que em pessoas jovens, isso porque os rins se tornam mais frágeis conforme envelhecemos.

2. Pratique atividades físicas

Na academia ou ao ar livre, realizar atividades físicas contribui para a melhora na saúde do seu corpo, inclusive no seu sistema pulmonar e cardiovascular. Mais que melhorar a saúde física, exercitar-se contribui na saúde mental, estimulando a produção de hormônios responsáveis pelo prazer e pela felicidade. Fatores como intensidade certa, a postura adequada e uma alimentação nutritiva podem melhorar ainda mais o seu desempenho. exercícios físicos para todos os gostos, basta encontrar o que melhor se adequa à sua rotina.

3. Cuide da sua pele

Não dá pra falar de cuidados com o corpo sem citar a pele, o maior órgão do corpo humano. Conforme os anos passam, ela se torna mais porosa e flácida, então é importante inserir hábitos de limpeza e hidratação na sua rotina diária. Por ser uma região sensível, é um local de fácil proliferação de bactérias e infecções, que podem prejudicar a sua saúde. 

Conservantes e corantes podem agredir a pele de algumas pessoas, então é aconselhável optar por produtos de origem natural e dermatologicamente testados. Para reforçar as barreiras naturais, consulte um médico especialista no assunto, assim você evita o surgimento de alergias e dermatites. 

4. Beba bastante água

Para o melhor funcionamento do corpo, uma boa hidratação auxilia no desempenho do organismo e na eliminação de toxinas durante a absorção de líquidos. A distribuição de água por todos os músculos e órgãos ajuda na digestão, regula o intestino e controla a pressão arterial, sendo capaz de prevenir doenças futuras. Prefira alternar a ingestão ao longo do dia, para que os órgãos não fiquem sobrecarregados.

5. Cuidar da mente

Tratar da saúde do corpo também é tratar da saúde mental! Só é possível manter o foco e a concentração se há equilíbrio entre corpo e mente para realizar as atividades do dia-a-dia. Dois hábitos saudáveis que podem estimular o relaxamento da mente são a meditação e o yoga, podendo ser realizadas tanto em casa quanto em um estúdio especializado nas práticas. 

Leia sobre o impacto da Osteoporose na saúde psicológica.

6. Durma bem

A rotina diária muitas vezes se torna exaustiva e uma boa noite de sono pode compensar as energias gastas e retomar a disposição. Dormir bem tem diversos benefícios para sua saúde, pois é durante o sono que o corpo passa pelo processo de reparação e o metabolismo se regula.

Um padrão de sono saudável varia de acordo com as necessidades do corpo, dependendo da faixa etária do indivíduo. Para os especialistas, enquanto adultos devem dormir cerca de 7 e 8 horas de sono ininterruptos diariamente, adolescentes necessitam de 8 a 10 horas. Por fim, crianças precisam de 9 a 13 horas e bebês entre 12 e 16 horas de sono.

Entenda como o sono afeta a saúde dos seus ossos.

7. Não esqueça o check-up médico

Não deixe de fazer um check-up regularmente! A avaliação de um médico ajuda na prevenção e no acompanhamento de doenças através de exames clínicos e laboratoriais realizados por profissionais especializados. Consultas regulares monitoram o bem-estar do paciente de acordo com a frequência recomendada e facilitam diagnósticos precoces, capazes de tratar enfermidades com uma melhor proximidade.

Quer se manter saudável em qualquer idade? Baixe gratuitamente o guia completo sobre prevenção da Osteoporose.

Inscreva-se na newsletter

Receba dicas da Osso Forte para cuidar da sua saúde

>>

    Inscreva-se na newsletter

    Receba dicas da Osso Forte para cuidar da sua saúde